top of page

O ano iniciou e as tarefas, compromissos, projetos e pendências já começaram com os dois pés na porta. Nesse período, ficamos nos perguntando como melhor equilibrar todos os pratinhos das responsabilidades, quais as melhores ferramentas para nos auxiliarem a ter uma vida mais tranquila, plena.


Eu, e talvez você também, comecei a pensar no meu sistema de planejamento para 2023 lá em outubro de 2022. Pensei sobre quais seriam as minhas responsabilidades no ano que estava por vir, o que mudaria na minha vida pessoal (baby) e na profissional, quais seriam as minhas metas (que já adianto, não são metas, mas áreas de foco por trimestre). Decidi, então, optar por 4 planners, um calendário digital e um aplicativo/site para controle de tarefas diárias. É muita coisa? Sim, mas eu estava acostumada a usar planners argolados desde 2015, em 2023 quis testar os kinbors (inspirados nos Hobonichis), e definitivamente apenas um deles não ia comportar todas as coisas que gosto de controlar.

Mas calma, vou explicar direitinho como estou usando tudo e como você pode aplicar esse método de planejamento na tua vida.

Como eu disse, são 4 planners:

  1. Kinbor A5: agenda

  2. Kinbor A6: tarefas

  3. Kinbor weeks: planner doméstico

  4. A5 argolado: planner de projetos

Ainda uso o google calendar, por conta do trabalho e de reuniões, e o habitica, para tarefas diárias.

Além desses, também estão no meu dia-a-dia o evernote (onde escrevo posts, roteiros e ideias), o meu caderno de ideias, um caderno comum e o obsidian (que são meus common place books, analógico e digital, respectivamente), meu caderno de páginas matinais, caderno de gratidão e intenções, diário de 5 anos e diário de uma pergunta por dia (que também é para 5 anos). Mas vamos manter o foco, pois aqui viemos falar de sistema de planejamento...

Sempre prego que tarefas e compromissos não devem ficar em um mesmo lugar. Partindo desse princípio, já são necessárias duas ferramentas distintas (ou duas sessões no seu planner argolado). Como eu tenho o hábito de planejar um dia de cada vez, gosto de ter um planner (ou refil) diário. Quando usava planner argolado, o meu refil diário tinha espaço dedicado à agenda e um espaço separado para as tarefas.




Ao migrar para os kinbors, precisei me adaptar, afinal o kinbor A5 tem uma visão semanal, já no kinbor A6 temos a visão diária.



Como gosto de fazer calendar blocking, a visão semanal do kinbor A5 é perfeita para isso, então uso ele para ter uma visão geral da semana, programar meus compromissos e separar as top 5 tarefas do dia. Faço o planejamento nesse planner uma vez por semana, preferencialmente antes da segunda-feira.


Também uma vez por semana, faço o planejamento no kinbor weeks (o planner doméstico). Esse planner serve para controle de tudo que envolve a casa e a família. Ele fica na cozinha e meu esposo tem acesso direto e também contribui com anotações (muito menos que eu, infelizmente). Aqui são anotadas listas de limpeza semanais, checklist diário, lista de compras, menu semanal, gastos e também os nossos compromissos. Colocamos compromissos que nós dois temos que comparecer, e também aqueles que podem impactar na vida do outro (por exemplo, se ele for trabalhar presencial ou se mudar um turno de trabalho, ou caso eu tenha que visitar fornecedor ou fazer alguma reunião externa).


E, diariamente, planejo/monto a minha lista de tarefas no kinbor A6. Sim, a minha lista de tarefas diária é bem completinha. Eu preciso ter a visão de tudo que tenho para fazer no dia para conseguir funcionar, talvez você não seja assim.


Tá, mas e o planner de projetos?

Quem me acompanha a mais tempo já sabe que tenho três trabalhos distintos e muitos projetos paralelos dentro de cada um desses trabalhos. Preciso de um lugar para reunir todas essas informações e para planejar como que esses projetos vão rolar. Então, decidi ter um planner dedicado a projetos, onde consigo ter a visão individual de cada um deles. Nesse planner é onde planejo a execução de cada etapa, faço o rascunho das tarefas e do cronograma. Depois de tudo pronto e organizado, aí sim vou transferindo essas informações e prazos para a agenda e lista de tarefas.

No meu canal do Youtube, tenho um vídeo explicando o sistema inteiro, e um vídeo dedicado a cada um dos planners individualmente.

Sistema de planejamento 2023

Planner doméstico

Planner de projetos

Agenda

Planner de tarefas

Por enquanto o sistema está funcionando muito bem, mas o ano mal começou. Quem sabe em julho eu volte aqui com atualizações...

Você já parou para pensar sobre a importância do planejamento?


Você pode levar a vida como o Zeca Pagodinho ("deixa a via me levar, vida leva eu..."), mas o mundo gira e coisas são construídas a partir de planejamento.


As pessoas só conseguem viver a vida tipo Zeca porque existem outras mil pessoas planejando por elas. A tele entrega que ela pediu porque no calor do momento estava com vontade de comer uma pizza, teve todo o planejamento do estabelecimento para comprar os ingredientes, preparar as coisas com antecipação. A estrada que ela percorre para chegar à praia foi planejada para unir uma ponta à outra.


Planejamento é o que faz as coisas grandes e importantes acontecerem. Mas planejamento também faz com que coisas pequenas e rotineiras não se tornem um fardo (nem se tornem algo maior do que precisa).


Por mais que as coisas nem sempre ocorram conforme o planejado, ainda é mais produtivo e seguro planejar e adaptar o plano ao longo do caminho do que seguir a vida toda espontaneamente.



Planejar é um hábito. Você começa planejando o seu dia, depois sua semana, seu mês, seu ano. Aprende a planejar a curto, médio e longo prazo. Começa a aplicar as técnicas de planejamento no seu trabalho e na sua vida pessoal, deixando tudo mais organizado e prazeroso.


Quando dedicamos um tempo para colocar as ideias em ordem, prever de certa forma os nossos dias, conseguimos alocar tempo para diversos projetos que nos auxiliam e melhoram a nossa vida.


Pensemos, por exemplo, nas nossas refeições. Se priorizarmos planejar o menu semanal, poupamos dinheiro, consumindo os produtos que já temos antes que estraguem e cozinhamos em casa; comemos melhor, variando os alimentos e seus nutrientes; e poupamos tempo, podendo preparar certas coisas com antecedência.


Planejar é uma das partes essenciais para se ter uma vida plena. Pense nisso como algo que te traz felicidade e não mais um fardo ou tarefa a ser cumprida

Sistema Fly Lady, o salvador da rotina de limpeza doméstica ou mais um método falho?


Quem me acompanha aqui e nas minhas outras redes sociais (instagram, tiktok e youtube) já sabe que eu costumava usar o método Fly Lady para limpeza doméstica. No entanto, em 2022 eu parei de aplicá-lo pois contratei ajuda externa para cuidar da casa (ter três trabalhos, cuidar da casa, do meu desenvolvimento pessoal e de todos os meus outros "pratinhos" não é moleza). Infelizmente, agora ao final do ano, a pessoa que trabalhava aqui comigo teve que se afastar e eu estou voltando a cuidar do meu lar mais atentamente. Isso significa que o método Fly Lady de limpeza doméstica vai voltar a atuar na minha vida.

O que é o Método Fly Lady?


É um método de manutenção doméstica baseado em algumas rotinas e que divide a casa em 5 zonas. Cada zona é o foco de uma semana do mês, sendo que as zonas 1 e 5 dividem uma semana, às vezes tendo mais dias para uma ou para outra.


As Zonas sugeridas pelo programa são:

Zona 1: Entrada, varanda e sala de jantar

Zona 2: Cozinha

Zona 3: Banheiro principal e quarto "extra"

Zona 4: Quarto principal, banheiro e closet

Zona 5: Sala de estar, porão e sala íntima


No entanto, nem as casas brasileiras seguem esse padrão, tampouco todas as casas são iguais. Portanto eu divido a minha casa conforme as minhas necessidades e sugiro que você faça o mesmo.


Quando comecei a usar esse método, minha casa consistia em cozinha, banheiro e "sala-quarto-escritório". Hoje, moro num espaço maior, com mais cômodos e faço o zoneamento de outra forma.


Meu sistema de zonas atual:


Zona 1: Varanda e garagem

Zona 2: Cozinha

Zona 3: Banheiro principal e escritório

Zona 4: Quarto, banheiro e closet

Zona 5: Sala de estar


Toda semana eles liberam no site próprio (em inglês) a lista de missões da semana, mas você pode tranquilamente criar a sua lista de limpeza detalhada de cada zona e montar as suas próprias missões. Eu ainda uso as listas oficiais como inspiração (vai que tenha esquecido de alguma coisa).


As rotinas


São três tipos de rotinas que o método propõe: rotinas diárias (manhã e noite), rotina semanal (benção do lar) e hábitos do mês (auto cuidado e limpeza).

Rotina da manhã

  • 15 minutos de exercícios

  • beber água

  • swish and swipe: Lavar rapidamente o vaso sanitário e passar um paninho na pia.

  • uma máquina de roupa por dia

  • Levantar e se pesar (eu não gosto desse segundo passo porque segue um padrão de comportamento de fixação pelo seu peso)

  • Tomar banho, se vestir com roupas adequadas, calçar sapatos, arrumar o cabelo e a maquiagem

  • Verificar a agenda

  • Guardar a louça seca

  • Comer e tomar suas vitaminas, remédios ou suplementos

  • Beber água

  • Verificar quais serão as refeições do dia e se é necessário pré-preparar algo


Rotina do dia (num geral)

  • Foco do dia/missão do dia

  • Missão de autocuidado do mês

  • Hábito do mês

  • Destralhar por 15 minutos


Rotina da noite:

  • Separar as roupas para o dia seguinta

  • Tirar uns minutinhos para si

  • Verificar a agenda para o próximo dia

  • Apagar HotSpot: 2minutos arrumando aqueles pontos da casa que costumam acumular bagunça

  • Deixar a pia brilhando

  • Lavar o rosto, fazer os cuidados com a pele, escovar os dentes e passar fio dental

  • Ir para a cama em uma hora decente (não às 2h da manhã)


E a rotina semanal, que seria a nossa tradicional faxina. A diferença aqui é que ela manda fazermos uma limpeza superficial que deve durar 1h apenas. A limpeza detalhada, de arrastar os móveis, tirar o pó de todas as decorações etc, será feita 1x por mês em cada zona. Confesso que, como boa brasileira, não consigo dedicar apenas 1h à faxina semanal, não consigo ser tão superficial assim. Mas dedico 2h e não me prendo aos detalhes dos detalhes.


Como todo e qualquer método, eu tiro dele aquilo e funciona para mim e sugiro que você faça o mesmo. Entenda sobre o que o método quer tratar e aplique o que se encaixa no seu cotidiano.


O que mais me encanta no método da FlyLady é o fato dela dizer que a casa não ficou caótica do dia para a noite, portanto não precisamos deixá-la perfeita num estalar de dedos. O lado ruim (para algumas pessoas), a casa nunca vai estar 100% limpa. Mas será que algum dia isso seria possível?


Espero que tenha gostado desse post, tenha aprendido um pouco mais sobre esse método e como aplicá-lo. Se você lê em inglês, sugiro entrar no site oficial. Um aviso apenas, não se inscreva na lista de emails, eles enviam MUITOS, MUITOS MESMO, emails por dia e sua caixa de entrada vai ficar lotada.


*Caso você tenha interesse em montar o seu próprio sistema de zonas no seu planner, o kit casa contém refis específicos com checklists para você preencher cada zona.

bottom of page